Hidrossanitária

LEILÃO DE ENERGIA RESERVA CONTRATOU 1,2 MIL MEGAWATTS DE USINAS EÓLICAS E DE BIOMASSA


O leilão de energia reserva realizado na quinta-feira (18/08) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) contratou 1.218,1 megawatts (MW) de potência instalada de 41 usinas, das quais 34 eólicas e sete com combustível de biomassa (bagaço de cana-de-açúcar e resíduos de madeira).

Foram comercializados 460,4 megawatts médios (MWmed) de energia, com um preço médio por megawatt-hora (MWh) de R$ 99,61, um deságio médio de 31,8% em relação ao preço-teto, que era de R$ 146 por MWh. O deságio representa economia de R$ 3,7 bilhões no custo da energia.

O investimento total para a implantação das usinas contratadas no leilão de energia reserva é R$ 3,26 bilhões e o início de suprimento é a partir de 1º de julho de 2014.

O objetivo do leilão de reserva é contratar um estoque de geração de energia elétrica além do necessário para atender à demanda dos consumidores, a fim de aumentar a segurança e a garantia de fornecimento de eletricidade no país.

Na quarta-feira (17/08), a Aneel promoveu o primeiro leilão de energia A-3 (energia gerada de empreendimentos que ainda estão por ser construídos) do ano, que comercializou 1.543,8 MWmed de 51 usinas, das quais uma hidrelétrica (Jirau), 44 eólicas, duas usinas termelétricas a gás natural e quatro a biomassa. O investimento total para implantação das usinas contratadas no leilão será de R$ 6,54 bilhões e os empreendimentos devem começar o suprimento de energia em março de 2014.


Fonte -Fonte: Agência Brasil / Sabrina Craide