Geral

Firjan avalia que manutenção da Selic vai na direção correta


A Firjan entende que a manutenção da taxa básica de juros em 2% ao ano vai na direção correta. A federação destaca que o ano de 2021 inicia com expectativas pela vacinação em massa da população, mas com grandes incertezas, que indicam um longo processo de retomada da atividade econômica.

No entanto, fatores de riscos, como o aumento persistente do nível de preços e a insustentabilidade das contas públicas, ameaçam a manutenção da taxa de juros no seu mínimo histórico. Nesse cenário, é preciso encarar a agenda de reformas estruturais como essencial. Apenas dessa forma será possível manter a confiança do investidor e garantir a recuperação do emprego e renda da população.