ESTADO E PREFEITURA APRESENTAM PROJETO DE DESPOLUIÇÃO E MELHORIA DA BALNEABILIDADE DA PRAIA DA BICA


O governo do Estado, através da Secretaria do Ambiente (SEA) e da Cedae, realizou em parceria com a Prefeitura do Rio, na segunda-feira (29/04), na Quadra da Escola de Samba União da Ilha, na Cacuia, Ilha do Governador, palestra apresentando à população o projeto das obras que serão executadas para despoluir e melhorar a balneabilidade da Praia da Bica. As intervenções fazem parte do Programa Sena Limpa. Na ocasião, também foi assinado contrato para dar início às obras em até 40 dias.

Orçadas em cerca de R$ 26 milhões, as intervenções na Praia da Bica fazem parte de um projeto maior que está investindo recursos da ordem de R$ 38 milhões para saneamento na Ilha do Governador. As obras, executadas pela Cedae, têm prazo de 12 meses para término e serão desenvolvidas com recursos provenientes do Fundo Estadual de Conservação Ambiental e Desenvolvimento Urbano (Fecam).

– Esta é, sem dúvida, uma obra que contribuirá para melhoria das condições de balneabilidade das águas da principal praia do bairro, a Praia da Bica, sendo passo importante para a despoluição da Baía de Guanabara. Neste sentido, é uma obra que vai ao encontro dos compromissos assumidos pelo governo do estado com o Comitê Olímpico Internacional (COI), até mesmo porque funcionará concatenada com outros importantes projetos de despoluição da Baía de Guanabara que já estão sendo desenvolvidos que são a ampliação da Estação de Tratamento de Esgotos (ETE) de Alegria, no Caju e a entrada em operação das ETE’s Pavuna e São Gonçalo – destacou o presidente da Cedae, Wagner Victer.

Além da modernização da Estação Elevatória Praia da Bica, serão substituídos cerca de 20 km de troncos coletores de esgoto de fibrocimento por troncos coletores de PVC; implantado 1,5 km de novo tronco coletor de concreto armado com 500 mm de diâmetro; e remanejadas para os novos coletores 7.383 ligações prediais. Também será instalada uma Galeria de Cintura ao longo de toda a Praia da Bica, que será construída pela Prefeitura. Os esgotos afluentes à Estação Elevatória Praia da Bica terão como destinação final a Estação de Tratamento de Esgotos da Ilha do Governador (ETIG).

Os esgotos coletados nessa sub-bacia serão conduzidos à Estação Elevatória Praia da Bica, com capacidade para 200 litros por segundo, que será modernizada dentro das técnicas mais avançadas de automatização, de redução de consumo de energia elétrica, baixo nível de ruído e sistema de desodorização.

Sena Limpa:

Lançado em 2012, com investimentos de R$ 150 milhões, o Programa Sena Limpa visa melhorar a qualidade das águas de seis das principais praias da orla do Rio até 2014. Trata-se de uma ação que é fruto da parceria do governo do estado com a Prefeitura do Rio e que vem sendo realizada em diferentes etapas para a recuperação ambiental das praias de São Conrado, Leblon, Ipanema, Leme e Urca, na Zona Sul, e da Praia da Bica, na Ilha do Governador, Zona Norte, situada dentro da Baía de Guanabara. O Programa Sena Limpa é um trabalho conjunto da Secretaria do Ambiente (SEA), Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Cedae, Rio Águas e Comlurb.

À palestra sobre início das obras da Praia da Bica estão previstas as presenças do secretário do Ambiente, Carlos Minc, do presidente da Cedae, Wagner Victer, do presidente da Rio Águas, Marcelo de Aguiar Sepúlveda, da presidente do Inea, Marilene Ramos, do subsecretário do Ambiente, Gelson Serva, e do subprefeito da Ilha do Governador, Nelson Miraldi, entre outras autoridades e lideranças comunitárias.


Fonte -Fonte: Cedae