Eficiência Energética

EMPREGO NAS INDÚSTRIAS DE MATERIAIS E CONSTRUTORAS TEM NOVA QUEDA


O estudo da Conjuntura da Cadeia da Construção, encomendado à FGV pela ABRAMAT – Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção – aponta que o emprego nas indústrias de materiais caiu 4,97%, na comparação junho 2015/junho2014. Nas construtoras a queda foi ainda maior, com 10,82%. Os números salientam o aumento da deterioração do cenário da construção no país.

As quedas mais significativas foram nos segmentos de infraestrutura, imobiliário e serviços de engenharia. Na outra ponta, os segmentos que apresentaram as menores quedas foram os de outros serviços, obras de acabamento e incorporação de imóveis.

“Temos observado uma deterioração contínua dos indicadores do setor, o que têm impactado em quedas cada vez maiores do emprego nas construtoras. Além disso, devemos ressaltar o fato de que não há nenhum sinal de recuperação do segmento de preparação de terrenos, primeiro estágio das obras”, explica Walter Cover, presidente da Abramat.

A comparação dos números do período indica ainda que, em São Paulo, o nível de emprego na indústria teve queda de 6,44%, enquanto nas construtoras a retração foi de 7,53%. Os números são comparativos do período de junho 2015 e junho 2014.


Fonte -Fonte: Investimentos e Notícias