Legislação

CONSTRUÇÃO CIVIL CRIA PROGRAMA DE SUSTENTABILIDADE PARA O SETOR


A Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) entregou na quarta-feira (10/08) à presidente Dilma Rousseff o Programa Construção Sustentável, que reúne as propostas do setor para o governo e a sociedade brasileira. A proposta do CBIC foi discutida por um conselho composto por ONGs, sindicatos, parlamentares e empresariado.

O modelo utilizado é baseado na estratégia do governo britânico para construção sustentável. “A diferença é que na Grã-Bretanha o tema é política pública. Aqui, o máximo que podemos fazer é sugerir medidas para o governo e a sociedade”, diz o vice-presidente do CBIC, João Carlos Martins.

O documento entregue à presidente está dividido em sete eixos: mudanças climáticas; desenvolvimento humano; energia; água; materiais e sistemas; resíduos; e meio ambiente, infraestrutura e desenvolvimento urbano.

“O próximo passo é começar um inventário de emissões da cadeia produtiva da construção civil brasileira”, esclarece Martins. “Os dados gerais adotados para o setor contabilizam que 20% das emissões ocorrem no decorrer da obra e os outros 80% no pós-obra. Mas, aqui, as maiores emissões ocorrem durante a execução”. Segundo ele, no Brasil, o transporte é o grande vilão das emissões no setor. “A matéria-prima está cada vez mais longe dos grandes centros”, explica.


Fonte – Fonte: O Estado de S.Paulo